Kaingang e Missões Religiosas: situações de alianças e guerras

  • Luís Fernando da Silva Laroque

Resumo

O trabalho visa estudar os Kaingang como sujeitos históricos em relação à missão jesuítica, capuchinha e luterana, as quais, representando mecanismos da Frente de Expansão, penetraram sobre o mundo nativo. Neste sentido, temos entre 1845/1852, as tentativas de Missão Jesuítica com os Kaingang no Rio Grande do Sul. Logo a seguir, as Missões Capuchinhas atuaram, por volta de 1855/1895, com os Kaingang no Paraná, no período de 1888/1889 e 1902/1907, com os de São Paulo e, no decênio de 1903 a 1913, com os do Rio Grande do Sul. Entre 1900/1904, a Missão Luterana atuou com os Kaingang em territórios rio-grandenses. Em relação a estas missões, constatamos que os Kaingang, orquestrando os eventos pelos seus próprios parâmetros culturais, em algumas situações, aceitaram as negociações propostas pelos religiosos enquanto em outras, recorreram à guerra.
Publicado
2014-11-25
Seção
Artigos