Algumas Considerações sobre a Educação da Criança Xavante

  • Martinho Tsire Edi Tsawewa Escola Estadual Indígena São José de Sangradouro, município de General Carneiro-MT
  • Alceu Zoia Universidade do Estado de Mato Grosso
Palavras-chave: Xavante, crianças, educação indígena.

Resumo

Neste texto, buscamos destacar a educação da criança A’uwẽ (Xavante); para isso destacamos os elementos educativos desse povo, com ênfase para o processo de como acontece a educação da criança Xavante, a educação do menino, a educação da menina, a interação que acontece entre crianças, adulto e a comunidade, buscando compreender essa criança como sujeito de direitos e que se constitui nessa relação com os demais membros da comunidade e, também, na participação ativa nos rituais culturais que são marcadores de idades e grupos de pertencimento desses indivíduos no grupo.

 

Biografia do Autor

Martinho Tsire Edi Tsawewa, Escola Estadual Indígena São José de Sangradouro, município de General Carneiro-MT

Professor Xavante na aldeia Sangradouro, General Carneiro-MT, Mestre em Educação pela UNEMAT, Universidade do Estado de Mato Grosso.

Alceu Zoia, Universidade do Estado de Mato Grosso
Doutor em Educação, professor da Faculdade de Educação e Linguagem na área da Filosofia, professor do programa de Pós-graduação em Educação na linha de pesquisa Educação e Diversidade, trabalhando preferencialmente com a Educação Indígena.

Referências

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. A educação como cultura. Campinas, SP: Mercado da Letras, 2002.

CARRARA, Eduardo. Tsi te wara: um vôo sobre o cerrado xavante. 1997. Dissertação (Mestrado em Antropologia) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 1997.

LEONTIEV, Aléxis. O desenvolvimento do psiquismo. 2. ed. São Paulo: Centauro, 2004.

LOPES DA SILVA, Aracy. Nomes e amigos: da prática Xavante a uma reflexão sobre os Jê. São Paulo: Universidade de São Paulo, 1986.

LOPES DA SILVA, Aracy; MACEDO, Ana V. L. da S.; NUNES, Ângela (Org.). Crianças indígenas: ensaios antropológicos. São Paulo: Global, 2002.

MARX, Karl. O capital. São Paulo: Nova Cultural, 1985. v. 1.

MAYBURY-LEWIS, David. A sociedade Xavante. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1984.

MOLL, Luis C. Vygotsky e a educação. Porto Alegre, RS: Artes Médicas, 1996.

NUNES, Angela. A sociedade das crianças A’uwe-Xavante: revisitando um estudo antropológico sobre a infância. Poiésis, Tubarão, SC, v. 4, n. 8, p. 342-359, jul./dez. 2011.

TSI‟RUI‟A, Aquilino Tsere‟ubu‟õ. A sociedade Xavante e a educação: um olhar sobre a escola a partir da pedagogia Xavante. 2012. 259f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Católica Dom Bosco, Campo Grande, MS, 2012.

VYGOTSKY, LEV S. A formação social da mente: o desenvolvimento dos processos psicológicos superiores. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1989.

VYGOTSKY, Lev S. O desenvolvimento psicológico na infância. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

ZOIA, Alceu. A comunidade indígena Terena do norte de Mato Grosso: infância, identidade e educação. 2009. 247p. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal de Goiás, Goiânia, GO, 2009.

Publicado
2016-07-11