Esboço sociolingüístico Sateré-Mawé

  • Raynice Geraldine Pereira da Silva

Resumo

língua Sateré-Mawé é falada por uma população aproximada de 7.500 pessoas que vivem na Terra Indígena Andirá-Marau, região do médio rio Amazonas (AM). Neste estudo, apresento um esboço da situação sociolingüística e educacional do povo Sateré-Mawé a partir de uma pesquisa feita com os professores indígenas do rio Andirá, na ocasião do curso de formação de professores indígenas. O levantamento sociolingüístico considera: (i) a facilidade lingüística, (ii) os usos e atitudes lingüísticas, (iii) os usos orais e, (iv) a leitura e escrita nas comunidades. Na situação educacional, além dos dados relativos à educação também são feitas algumas considerações sobre o material didático produzidos pelos professores indígenas. Espero assim contribuir para um melhor conhecimento do Sateré-Mawé, língua da região Amazônica.
Publicado
2014-11-24
Seção
Artigos